quinta-feira, 30 de junho de 2011

O preço do amor

Uma tarde, um menino aproximou-se de sua mãe, que preparava o jantar e lhe entregou um papel com algo escrito. A mãe secou as mãos, tirou o avental, sentou-se e começou a ler:
- por cortar a grama do jardim: R$ 3,00
- por limpar meu quarto: R$ 2,00
- por cuidar do meu irmãozinho: R$ 2,00
- por ter um boletim com boas notas: R$ 3,00
- TOTAL DA DIVIDA: R$ 10,00

A mãe olhou para o menino que a fitava cheio de expectativas. Finalmente, pegou um lápis e começou a escrever:
- por te carregar nove meses no meu ventre: nada.
- pelas noites sem dormir, a cuidar e orar por você: nada.
- pela comida sempre prontinha, pelas roupas lavadas e passadas: nada.
- por levar-te à escola e ajudar nas tarefas: nada.
- pelo medo e preocupação que me esperam: nada.
- Custo total do meu amor: nada.

Quando o menino terminou de ler o que a mãe havia escrito tinhas os olhos cheios de lagrimas, olhou para ela, e disse:
Eu te amo mamãe! Logo após pegou o lápis e escreveu com letra bem grande: totalmente pago!

Assim somos nós adultos, como crianças, querendo recompensa por boas ações que fazemos. É difícil entender que a melhor recompensa é o AMOR que vem de Deus. E para nossa sorte é GRATIS. Basta querermos recebê-lo em nossas vidas! Que DEUS, abençôe todos vocês no dia de hoje (e sempre), e não devemos esquecer do AMOR universal que nos é cedido pelo PAI !
(Autor desconhecido)

Nenhum comentário:

Postar um comentário